De professor para professor

     
 

     Olá colega,

     Meu nome é Ivan Tavares Scotelari de Souza, professor de Ciências e Biologia.  Leciono na rede pública de ensino há mais de 25 anos.  Para tornar mais produtivas minhas aulas, elaboro softwares educativos, avaliações interativas e web sites. A idéia da página "Jogos de Raciocínio" surgiu após meus alunos solicitarem insistentemente que acrescentasse jogos on-line no site de nossa escola.

     Percebi de imediato que o interesse desses alunos estava bastante relacionado a jogos de ação, de esportes ou de guerras (algo bastante comum na Internet atualmente). Comentei com eles que apesar de ser possível se divertir bastante com estes tipos de jogos, existiam outros, que eu como professor, considerava mais interessantes. Estes jogos talvez não fossem tão atraentes à primeira vista quanto os que gostavam, mas que poderiam também ser divertidos, trazendo um algo a mais além dessa diversão.

     Procurei então na Internet, por jogos que pudessem até exigir destreza manual no teclado ou mouse, mas que necessitassem principalmente de raciocínio para a sua utilização. Seguindo este modelo, selecionei centenas de jogos e os organizei em categorias de acordo com algumas de suas características. Surgiu então o site "Jogos de Raciocínio".

     Estes jogos foram desenvolvidos quase todos em inglês por seus autores tendo, de modo geral, suas instruções inseridas nos mesmos. A princípio, isso pode parecer um problema, mas nossos jovens lidam na Internet com situações como esta o tempo todo e se saem muito bem. Através de seu conhecimento da língua inglesa, pelos modelos dispostos no jogo ou simplesmente por tentativa e erro, nossos alunos rapidamente dominam os procedimentos básicos e começam a se divertir. Essa diversão, levando em consideração os objetivos do jogo, ocorre de uma forma que, para nós professores, é bem mais produtiva que um simples jogo de "matar monstrinhos".

     Alguns dos jogos apresentam em sua inicialização, breves propagandas de outros jogos que muitas vezes não são de raciocínio. Instrua seus alunos para que ignorem estas mensagens e esperem o carregamento do jogo ser finalizado. É importante citar ainda que certos jogos podem demorar alguns instantes para surgirem na tela, passando a impressão de que estes não estão disponíveis. Isto está relacionado à velocidade de conexão com a Internet que o computador de seu aluno apresenta. Peça-o que aguarde, pois logo será exibida a indicação de progresso de carregamento.

      Os jogos estão dispostos em seções sendo que cada uma delas apresenta um número máximo de 25 jogos. Para acioná-los, basta clicar na sua imagem ilustrativa. Cada jogo possui ao lado de sua imagem, algumas informações que estão relacionadas ao quadro abaixo.

 

 Em ordem alfabética, estas letras determinam a posição do jogo no site. Ex: 20 D (página 20, jogo D).

Indicação dos últimos jogos incluídos no site em relação aos anteriores.

 

     Sugestões e críticas construtivas serão bem-vindas. Espero que você e seus alunos apreciem nossa página e que compartilhem seu link com outros professores e  escolas.

     Um abraço e tudo de bom,

     Professor Ivan Scotelari.